O Conselho Presbiteral da Diocese da Guarda vai reunir no dia 1 de Julho, no Seminário da Guarda.

Da agenda do encontro fazem parte os seguintes assuntos: Distribuição do Clero; Plano Pastoral Diocesano com a sensibilização das comunidades para a importância da Palavra de Deus; Legislação diocesana sobre administração paroquial; Preparação da Assembleia Geral do Clero a realizar em 2012; apresentação de relatórios (Secretariado do Clero; Repensar a pastoral da igreja em Portugal; Diaconado permanente).

Sobre a distribuição do clero, a Diocese da Guarda acaba de divulgar um documento onde dá conta do número e das responsabilidades pastorais dos sacerdotes. Actualmente, a Diocese tem 88 párocos, 8 sacerdotes que trabalham pastoralmente para paróquias determinadas, 8 sacerdotes que podem responder pontualmente, 5 padres que trabalham nos Seminários e Pré-Seminário.

Por arciprestados, os padres estão distribuídos da seguinte forma: Almeida – 4 párocos (21 paróquias); Alpedrinha – 4 párocos (12 paróquias); Celorico da Beira – 4 párocos (22 paróquias); Covilhã – 11 padres (21 paróquias); Figueira de Castelo Rodrigo – 3 párocos (19 paróquias); Fundão – 8 párocos (26 paróquias); Gouveia – 5 párocos (23 paróquias); Guarda – 13 párocos (42 paróquias); Manteigas/Belmonte – 4 párocos (15 paróquias); Penamacor – 4 párocos (12 paróquias); Pinhel – 4 párocos (29 paróquias); Rochoso – 3 párocos (21 paróquias); Sabugal – 7 párocos (37 paróquias); Seia – 8 párocos (29 paróquias); Trancoso – 7 párocos (31 paróquias).

Na diocese há 19 padres que não podem colaborar nos serviços pastorais devido à falta de saúde.

publicado por in: dioceseguardacsociais às 12:03

Comentários

Comentários