FUNDÃO – NÚCLEO SPORTINGUISTA

Num ambiente festivo – o Sporting Club de Portugal acabara de se apurar para a Final da Taça de Portugal, eliminando o velho rival -, decorreu a tomada de posse dos novos Corpos Sociais do Núcleo Sportinguista do Fundão, para o binário de 2019-2010.

Para aquele acto solene, além da presença de muitos sócios, acederam ao convite o Presidente e Vice-Presidente da Câmara Municipal do Fundão, o representante da União de Freguesias, o Presidente do Núcleo Sportinguista de Castelo Branco e um representante do Núcleo do Benfica do Fundão.

Seguem-se os nomes eleitos para a Direção, Concelho Fiscal e Assembleia Geral

Direção

Presidente – Carlos Alberto Santos Marques

Vice-Presidente – João Filipe Amaral Farias

Idem – Daniel Filipe Melo Ramos

1º – Vogal – Jorge Bernardino Alves Simão

2º – Vogal – Francisco Ferreira Alexandre

3º – Vogal – Carlos Agostinho Santos Nobre

Conselho Fiscal

Presidente – Luís Miguel Dias Duarte Oliveira

Vice-Presidente – Ricardo Jorge de Brito Machado

Vogal – José Miguel Magalhães Amaral

Assembleia Geral

Presidente – José Joaquim Santos Ribeiro

Vice-Presidente – José Alexandre Santos Barata

Secretário – Jorge Manuel Brito Estevão

O Presidente da Assembleia Geral agradeceu a presença dos sócios e convidados, e destacou o papel importante que este Núcleo desenvolve no Fundão, onde muitos sócios e não sócios encontram um espaço de entretenimento e de diálogo. No mandato anterior conseguiram-se algumas metas – saneamento financeiro e desportivo -, mas neste mandato aguarda-se que se consiga uma maior progressão.

Dada a palavra ao Presidente da Câmara do Fundão, salientou que este Núcleo é uma base essencial para a cidade e para o concelho. Esta associação desenvolve uma acção dinamizadora social e estamos perante uma verdadeira colectividade muito ampla e completa. É um espaço que combate vazios, porque há serviço e confraternização, de convivências cívicas, sociais e desportivas.

O Presidente do Núcleo eleito afirmou que “é com muita satisfação que hoje tenho a honra e o prestígio de tomar posse desta Direção.” Referiu-se ao bom trabalho dos órgãos sociais anteriores, quer dar-lhes continuidade com lealdade, honestidade, contando com o apoio de todos os sócios num aberto e franco diálogo.

Apresentou o Plano de Actividades para este novo mandato, que resumidamente se centraliza em vários torneios de sueca, de xadrez, petanca, malha e futsal de verão.

Dar continuidade à equipa de dardos a nível distrital.

Realização das festividades comemorativas do 25º Aniversário da Fundação do Núcleo do Fundão.

Participação na Festa da Cereja do Fundão em Alcongosta e Caminhadas com a participação de outros Núcleos da Covilhã, Tortosendo, Castelo Branco e Silvares.

Os dirigentes do Núcleo Sportinguista do Fundão não vão esquecer o lema do Clube do seu coração: “esforço, dedicação, devoção e glória”. E também não esquecem as palavras do Visconde de Alvalade: “queremos que o Sporting seja um grande, tão grande como os maiores da Europa.” É também no seio dos Núcleos que se constrói a grandeza do Sporting Club de Portugal.

Quando desaparecerem estes núcleos, associações, colectividades, a vida das comunidades estará moribunda e em vias de extinção.

António Alves Fernandes

Aldeia de Joanes

Abril/2019

Comentários

Comentários