Voluntariado na Fraternidade Nuno Alvares da Covilhã
– Banco de troca de manuais escolares –

O Núcleo da Fraternidade Nuno Álvares da Covilhã tem implementado, desde 2012, um “Banco de Trocas de Manuais e de Apoio Escolar”, virado essencialmente para o ensino básico e secundário, contribuindo para ajuda de famílias carenciadas.
O balanço destes quatro anos já ascende a quase cem famílias que foram ajudadas com esta ação de voluntariado e de boa vontade.
Mas não só através dos livros as gentes da Covilhã têm contribuído. No ano passado recebeu-se roupa, calçado, mochilas, calculadoras, dicionários e material de apoio, tendo-se ajudado quarenta e quatro famílias.
A ideia partiu de Rogélia Proença, professora de português e fraterna do Núcleo da Covilhã, que tudo tem feito para levar a bom porto este projeto.
Este ano, mais uma vez, esta fraterna está disponível, todas as quartas feiras, entre as 15h30 e as 17h, na Sede do Núcleo da Fraternidade da Covilhã, para receber livros escolares usados, e outro material que queiram doar.
A Fraternidade, posteriormente e à semelhança dos anos anteriores, irá organizá-los num “banco”, possibilitando ajudar quem mais precisa.
O voluntariado é um dos aspetos da vida humana que mais devemos enaltecer e divulgar. É um ato ensinado por Jesus Cristo, salienta-se a ajuda fraterna e a solidariedade sem estar à espera em nada de troca.
O gesto de Rogélia Proença, como de tantos escuteiros, cristãos ou mesmo gente anónima da sociedade civil, é muitas vezes esquecido e não tem o devido reconhecimento. Por isso acho de louvar e de promover atitudes como esta.
O voluntariado cristão é uma necessidade prioritária na nossa comunidade da Beira Interior.
Ainda há muitos homens e mulheres com vontade e que estão disponíveis para ajudar quem mais precisa. E infelizmente nestas terras há tanto sofrimento e esquecimento.
Basta só querer!

António Alves Fernandes
Aldeia de Joanes
Julho/2016

Pato De Banheira

Pato De Banheira

Comentários

Comentários