Não fiques na praia
Com o barco amarrado,
E medo do mar.
Tudo aqui é miragem,
Mas na outra margem
Alguém a esperar.

Como onda que morre,
Sozinha na praia,
Não fiques brincando.
No mar confiante,
Ensina o teu canto
De ave voando.

Refrão :
Voa bem mais alto,
Livre sem alforge
Nem prata, nem ouro.
Amando este mundo,
Esta vida que é campo,
E esconde o tesouro.

Ninguém te ensinou
Mas no fundo tu sentes
Asas para voar.
Nem que o céu se tolde,
E as nuvens impeçam.
Tu não vais parar.

Há gente vivendo
Tranquila e contente,
Como eu já vivi.
És águia diferente,
Céu azul cinzento
Foi feito p’ra ti.
Refrão

Eu simplesmente adoro este cântico porque com pouco nos toca em muito. No fundo, todos sabemos e sentimos que temos asas para voar. Contudo, por vezes sentimos medo de as usar, medo de arriscar, medo de perder… Com isto perdemos vivências e experiências que poderiam vir a contribuir imenso para o nosso crescimento e desenvolvimento pessoal. Assim sendo, aproveita cada segundo, cada oportunidade, cada vivência! Vence os teus medos porque “És águia diferente”!

Podem ouvir o mesmo através deste link: http://youtu.be/qJN1heoU4ns

Por: Helena Almeida

Comentários

Comentários